Carros no EstacionamentoRecall (chamar de volta, estacionados inglês) é quando um produto tem que ser consertado ou trocado pelo fabricante. Geralmente, os compradores são chamados para substituir componentes de produtos ou até mesmo devolvê-los, quando os mesmos são considerados perigosos ou defeituosos. Bastante comum no ramo automobilístico, o recall também é utilizado em vários segmentos da indústria.

Falhas nas políticas de controle de qualidade são as principais causadoras de recalls. Se um produto não tiver sido testado e analisado devidamente, as chances de defeitos ocorrerem aumentam. Por isso, as empresas de renome têm grande preocupação com o controle de qualidade para não sofrerem sanções nem terem reputação prejudicada. As leis de defesa do consumidor de cada país regulamentam a prática e a não realização (quando constatada a necessidade) pode render multas e outros tipos de punição. Em alguns países, os consumidores que não atendem aos recalls também podem ser multados.

No caso de medicamentos, a situação é mais grave, pois o uso já foi consumado e pode ser irreversível. Muitas vezes, o recall não é suficiente e empresas perdem milhões em processos indenizatórios. Em 1998, um caso de repercussão nacional rendeu prejuízos a uma empresa farmacêutica. Foram colocadas 600 mil cartelas de um anticoncepcional no mercado, que eram feitas de farinha e fabricadas para testes. Além de ter sido multada em quase R$ 3 milhões, a empresa foi obrigada a pagar indenizações para os consumidores que entraram na justiça.

Os recalls de brinquedos também despertam grandes preocupações no consumidor, que temem a exposição de crianças a produtos perigosos. Uma multinacional, fabricante de brinquedos precisou recolher mais de 20 milhões de produtos em 2007. A empresa constatou que havia grande quantidade de chumbo nos produtos, o que poderia causar danos à saúde.

Para facilitar o controle dos recalls e divulgar ao consumidor quais são as mercadorias que precisaram de reparos ou substituições, o Ministério da Justiça criou um endereço que detalha todas as ocorrências desde o ano 2000:

- Ministério da Justiça - Recall